6 de dezembro de 2016

Três suspeitos de roubo a banco morrem em confronto com a Deicor

armamento-h

Uma operação da Divisão Especializada de Combate ao Crime Organizado (Deicor) resultou na morte de três homens acusados de integrar uma quadrilha de roubos a bancos no Estado. O confronto com os bandidos ocorreu na comunidade de Novo Guarapes, no município de Macaíba.

Segundo a Polícia Civil, policiais da Deicor realizavam diligências na área quando foram recebidos a tiros. Os suspeitos baleados chegaram a ser encaminhados para o Hospital Walfredo Gurgel, mas morrem antes do socorro médico.

No local onde os acusados estavam, a polícia apreendeu uma submetralhadora 9mm, diversos explosivos, pistolas e dois veículos. O material seria utilizado para explosão de caixas eletrônicos.

No último sábado (3), a Deicor realizou uma ação contra a quadrilha, que resultou com cinco integrantes mortos e dois presos. Com o grupo, um grande arsenal foi apreendido, entre fuzis, pistolas, explosivos e drogas.

Na ocasião, um dos mortos no tiroteio foi identificado como Gilmar da Cruz da Silva, de 31 anos, também conhecido como “Cural”, apontado como um dos líderes da facção Sindicato do Crime do RN. Cural estava foragido desde o dia 21 de janeiro deste ano, após fugir por um túnel da Penitenciária Estadual de Alcaçuz.

Durante coletiva realizada ontem (5), o governador Robinson Faria elogiou o trabalho das polícias e disse que o governo não iria se intimidar às facções criminosas. “É um recado do governo dizendo que não vai recuar, não vai se render a ameaças, nem muito menos negociar com criminosos”, afirmou.

A Deicor divulgou ainda um vídeo que registrou a ação da quadrilha em um dos roubos praticados. Devido ao andamento das investigações, não foi informado a data e local do crime.

No minuto


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...