26 de novembro de 2016

Os 20 bandidos mais ricos da história

Quem disse que o crime não compensa? Estes 20 gangsters conseguiram juntar fortunas enormes por meio do tráfico de drogas e a prática de outros crimes. No entanto, na maioria dos casos, o dinheiro não foi suficiente para salvar a pele deles.

Nos anos 80, o chefe do cartel de Medellín era o sétimo homem mais rico do mundo. O tráfico de drogas valia a pena para o colombiano até ele ser assassinado em 1993.

Pablo Escobar: 30 bilhões de dólares (R$ 416 bilhões)

Quem disse que o crime não compensa? Estes 20 gangsters conseguiram juntar fortunas enormes por meio do tráfico de drogas e a prática de outros crimes. No entanto, na maioria dos casos, o dinheiro não foi suficiente para salvar a pele deles.
Nos anos 80, o chefe do cartel de Medellín era o sétimo homem mais rico do mundo. O tráfico de drogas valia a pena para o colombiano até ele ser assassinado em 1993.

Al Capone: 100 milhões de dólares (R$ 320 milhões)

O famoso gângster americano fez fortuna com o contrabando de bebidas alcoólicas e outras atividades ilegais nos anos 1920, período em que vigorou a Lei Seca nos Estados Unidos. Preso em 1932, Al Capone cumpriu uma pena de 11 anos em Alcatraz. 

Frank Lucas: 52 milhões de dólares (R$ 166 milhões)

Entre o final dos anos 60 e meados dos anos 70, este gangster de Nova York ganhava até 1 milhão de dólares por dia com a venda de heroína. Durante a Guerra do Vietnã, Lucas armou um esquema com contatos que tinha no exército norte-americano para contrabandear drogas dentro dos caixões de soldados mortos em combate. 

Amado Carillo Fuentes: 25 bilhões de dólares (R$ 80 bilhões)

Nos anos 90, "el Señor de los cielos" ("O Senhor dos Céus") traficava toneladas de drogas da Colômbia e do México para os EUA. O chefe do cartel de Juárez, no entanto, teve um triste fim, morrendo durante uma cirurgia plástica em uma tentativa de mudar sua aparência. 


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...