28 de maio de 2016

Em 14º, Massa vê missão complicada em Mônaco: "Não será fácil pontuar"

Motor de Felipe Nasr estourou nos primeiros minutos de treino em Mônaco (Foto: Reprodução)
Motor de Felipe Nasr estourou nos primeiros minutos de treino em Mônaco (Foto: Reprodução)

Mais uma vez os dois representantes brasileiros na Fórmula 1 não tiveram um bom treino classificatório. Na atividade que definiu o grid de largada para o GP de Mônaco deste domingo, 9h (de Brasília) ao vivo na TV Globo, Felipe Massa foi eliminado no Q2 com e parte em 14º com sua Williams, enquanto Felipe Nasr sofreu com um estouro de motor de sua Sauber logo que deixou os boxes e larga em último. A pole position ficou com Daniel Ricciardo, da RBR.

A Williams não mostrou bom rendimento nas apertadas ruas do Principado e ficou aquém de rivais do pelotão intermediário, como STR, Force India e até McLaren. Companheiro de Massa, Valtteri Bottas também não avançou ao Q3, mas larga em 10º graças a uma punição a Kimi Raikkonen, da Ferrari. Partindo da 14ª colocação, o brasileiro crê que será difícil terminar a prova na zona de pontuação:

- Não foi um treino classificatório fácil para nós. Estávamos lutando por aquele um décimo o tempo todo. Infelizmente, sem esse décimo, ficamos algumas posições para trás. É uma pena, pois estávamos tão perto… Não era o nosso dia para tirar o máximo do carro com o que aconteceu com as bandeiras vermelhas. No entanto, o carro está se comportando bem. Não será fácil alcançar os pontos amanhã, mas faremos o máximo possível - disse Massa.

G1
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...