30 de outubro de 2015

Deputado 'torra' R$ 100 mil com pareceres copiados na internet


O primeiro-secretário da Câmara dos Deputados, Beto Mansur (PRB-SP), pagou com verba de gabinete pelos menos R$ 100 mil desde fevereiro na compra de pareceres jurídicos que, na verdade, eram reproduções de conteúdo da internet, denuncia o site Congresso em Foco.

Os textos incluem trabalhos de faculdade de alunos de Direito e até reportagens.

A empresa que vendeu ao deputado os pareceres copiados tem como um dos sócios Wagner Luiz Mendes, que já havia sido contratado pelo parlamentar para defendê-lo em ações na Justiça Eleitoral.

Agência Câmara 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...