10 de julho de 2015

Agentes acham mais de 50 celulares dentro de presídio no Seridó potiguar

Material apreendido durante a revista realizada nesta quinta-feira (9) no Pereirão, em Caicó (Foto: Divulgação/PM)

Mais de 50 aparelhos celulares, facas artesanais e drogas, como maconha e crack, foram encontradas durante uma revista realizada em dois dos cinco pavilhões da Penitenciária Estadual Desembargador Francisco Pereira da Nóbrega, o Pereirão, que fica na cidade de Caicó, na região Seridó potiguar. A busca, segundo a direção, aconteceu na manhã desta quinta-feira (9).

Segundo o agente penitenciário Alex Alexandre, diretor do presídio, as buscas foram feitas em resposta ao vazamento de imagens gravadas por presos, que com aparelhos celulares mostraram cenas de tortura e agressão contra um detento rival, além de uma rodinha onde alguns internos aparecem fumando maconha. Os vídeos, que foram divulgados em redes sociais, foram exibidos pelo G1 nos dias 29 de junho e 7 de julho.

Atualmente, ainda de acordo com Alexandre, o Pereirão possui 550 detentos. A revista foi feita nos pavilhões B e C, onde 300 homens ocupam 30 celas. O diretor informou ainda que uma sindicância será instaurada para apurar como os objetos apreendidos entraram na penitenciária.

A maior parte dos presos do Pereirão passa dia circulando entre os pavilhões porque as grades das celas – arrancadas durante os motins que aconteceram em março – ainda não foram colocadas de volta. “Parte da reforma de dois pavilhões já está pronta, mas ainda falta pintura e acabamento. Nos outros os presos não têm como ficar encarcerados. Então eles passam o dia soltos e são recolhidos somente à noite”, disse Alexandre.

Fonte: G1 RN
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...