9 de junho de 2015

Incêndio em depósito de petróleo deixa mortos na região de Kiev

Fumaça é vista saindo de depósito de combustível em chamas na região de Kiev nesta terça-feira (9) (Foto: Valentyn Ogirenko/Reuters)
Fumaça é vista saindo de depósito de combustível em chamas na região de Kiev nesta terça-feira (9) (Foto: Valentyn Ogirenko/Reuters)

Três bombeiros estão desaparecidos após um grande incêndio em um depósito de petróleo na região de Kiev, anunciou o ministro do Interior da Ucrânia, Arsen Avakov, nesta terça-feira (9).

As autoridades informaram que iniciaram a retirada dos civis da área do acidente, em um raio de dois quilômetros. "Decidimos retirar as pessoas da zona em um raio de dois quilômetros e preparar o esvaziamento da região em um raio de 10 km se o incêndio se propagar", afirmou o Serviço de Situações de Emergência.

"Explosão de um depósito de petróleo perto de Vasylkiv (30 km ao sudoeste de Kiev). Gigantesco. Vários bombeiros mortos. Socorristas mobilizados, a Guarda Nacional em estado de alerta", escreveu em um primeiro momento Avakov no Twitter.

Pouco depois, o ministro afirmou que "30 bombeiros estavam no epicentro da explosão e três estão desaparecidos". Os soldados da Guarda Nacional "estão cercando" a zona da catástrofe, segundo Avakov.

Várias explosões foram registradas na manhã desta terça-feira e uma grande coluna de fumaça era observada em uma ampla zona ao redor do depósito.

"Ouvimos uma forte explosão às 8h (2h de Brasília) e vários reservatórios pegaram fogo", afirmou o comandante dos serviços de emergência, Mykola Tchetchetkine, ao Canal 5. "É impossível conter o fogo", disse um bombeiro em um vídeo filmado pela polícia.

O incêndio começou na segunda-feira à noite em um depósito de 900 m3 e o fogo se alastrou rapidamente, segundo o Serviço de Situações de Emergência. "Cinco pessoas foram hospitalizadas com queimaduras", afirmou o serviço.

O grupo KLO, proprietário do depósito, afirmou que retirou todos os funcionários do local. "Era perigoso. Fizemos tudo o que era possível, retiramos as pessoas e o equipamento que conseguimos. Agora contamos com os bombeiros", disse um dos proprietários da empresa, Viacheslav Steshenko.

G1
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...